28 de março de 2014

NA LUTA: Vereadora pede ao governo anistia à militares grevistas

São Luis - Por meio de uma indicação apresentada e aprovada pelo plenário da Câmara Municipal de São Luís, na última terça-feira, (25), a vereadora Rose Sales (PCdoB) fez pedido de encaminhamento de ofício à governadora Roseana Sarney Murad “solicitando a vossa excelência que faça gestão junto a Secretaria de Estado da Segurança Pública e ao comando geral da Polícia Militar autorizando a anistia do cabo Campos e do soldado Leite, a fim de romper com a conotação de retaliação e abuso por parte do Governo do Estado”, enfatiza ela.


A parlamentar comunista afirma que os militares encontram-se em luta “na busca por melhores salários e condições de trabalho, o que não implica ato de insubordinação, mas de recomposição de dignidade que deve haver no exercício de qualquer atividade remunerada”. 


Rose Sales acentua também que “requeiro na oportunidade a importância de vossa excelência efetuar as garantias de valorização profissional aos policiais militares, que mesmo em condições adversas de trabalho, como insuficiência de efetivo, remuneração, carga horária, periculosidade, insalubridade, adicional noturno e fardamento, entre outras, mantêm um trabalho abnegado e sério em favor da população”.


Na sua proposição, Rose Sales apela ao bom senso dos gestores para entenderem a situação que se encontra a Polícia Militar do Maranhão, necessitando de uma implantação de uma política de segurança voltada para o reconhecimento do trabalho empreendido pelos policiais militares e civis, apesar de enfrentarem inúmeras adversidades para desempenharem suas atividades. “Diante de tudo que estamos presenciando, que contribui para a fragilização da segurança pública em nosso Estado, estaremos confiantes que não haja radicalização de ambas as partes para que alcancemos um denominador comum para solucionar essa situação”, finaliza ela.  

Nenhum comentário:

Postar um comentário

quero comentar